SHOW DO PIMPÃO no Feijão

Recebemos nos dias 29 e 30 de junho a Brava Companhia com seu espetáculo Show do Pimpão, dentro de nosso ciclo Pupu Rir de espetáculos convidados. A atividade é gratuita e integra nosso projeto Perversidades brasileiras (a hora do Show), contemplado pelo Programa Municipal de Fomento para a Cidade de São Paulo. As apresentações têm participação especial da Companhia do Feijão. Veja aqui a programação completa.

Show do Pimpão – sinopse

Numa localidade qualquer da periferia do capitalismo três miseráveis artistas se juntam para tentar arrecadar algum numerário que lhes garanta a refeição do dia. Em tempos de crise, fazer graça com a própria desgraça foi a única alternativa que lhes restou como forma de sobrevivência. E se o show não lhes rende o suficiente para comer, ao menos o barulho das risadas do público ajuda a abafar o ronco dos seus estômagos vazios, e a tentar esquecer a própria desnutrição. Seria trágico… Se não fosse cômico.

Concepção cênica

Show do Pimpão é uma peça de teatro construída para a apresentação em ruas, praças ou espaços alternativos, e que aposta no grotesco como elemento estético para abordar, de forma crítica e cômica, algumas temáticas pertinentes aos dias atuais: dinheiro, trabalho, política e arte. A dramaturgia, construída na forma de um esquete humorístico no qual atuam um ventríloquo, seu boneco (interpretado por um ator) e um músico, se revela, no decorrer de sua encenação, um show-golpe elaborado por artistas-vigaristas: a derradeira tentativa desse trio, pela via da arte e da cultura, de garantir alguma subsistência – seu último recurso antes de se entregar a barbárie.

Os três personagens que conduzem a ação cênica representam figuras que sobrevivem à margem do sistema econômico – sem acesso a trabalhos formais, a direitos básicos e ao consumo – tornando-se, assim, criaturas socialmente deformadas.

  • Criação: Brava Companhia
  • Direção e Dramaturgia: Ademir de Almeida
  • Direção musical: Joel Carozzi
  • Atores: Fábio Resende, Márcio Rodrigues e Max Raimundo
  • Figurinos: Cris Lima, Márcio Rodrigues e Rafaela Carneiro
  • Cenário: Joel Carozzi, Márcio Rodrigues e Sérgio Carozzi
  • Design gráfico: Ademir de Almeida
  • Fotos: Fábio Hirata e Fernando Solidade
  • Produção: Kátia Alves

Participação especial: Rir pra não chorar – com a Companhia do Feijão

  • Quando: 29 e 30 de junho, sexta e sábado, às 20h30
  • Ingressos: grátis – bilheteria aberta 1 hora antes das apresentações – sem possibilidade de reserva
  • Onde: Companhia do Feijão – R. Dr. Teodoro Baima 68 – República – estacionamento conveniado
  • Capacidade: 50 lugares – com acesso a cadeirantes
  • Mais informações: companhiadofeijao.com.br / feijao@companhiadofeijao.com.br

Realização: Companhia do Feijão – Cooperativa Paulista de Teatro – Programa Municipal de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo – Prefeitura de São Paulo / Cultura

Este projeto foi contemplado pela 31ª edição do Programa Municipal de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo.

Esta entrada foi publicada em Espetáculos e marcada com a tag , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.